Algumas explicações

Como tem muita gente não entendendo nada desses meus allers/retours entre a França e o Brasil o tempo todo e agora essa historia de Amazônia, resolvi explicar.

Eu estudo na França, na Universidade Paris 8 –Saint Denis (sim a fac dos estrangeiros). Estou no terceiro ano do mestrado Industries Créatives – Web, Média e Arts. Isso é so um titilo chique para dizer que eu estudo multimidia. Se você pensou que mestrado não tem três anos, você esta certo. Eu pedi um ano a mais para escrever a minha monografia, o que significa que eu não preciso freqüentar mais aulas neste ano de 2010/2011, pois já fiz todos os créditos necessários no ano letivo 2009/2010. Na França, o ano letivo começa em setembro e vai até junho, mais ou menos. Por isso esse ano universitário escrito ano/ano.

Eu gostaria de desde junho do ano passado ter ficado no Brasil para fazer a minha pesquisa tranqüila, mas a burocracia Francesa – que é pior do que a brasileira – não deixa. Toda hora eu tenho que ir la resolver uma coisa ou outra (matricula na universidade, pedido de visto para eu não ter problema para entrar quando eu voltar para defender a monografia, etc). E as coisas nunca acontecem no tempo que eu prevejo, então acabei indo e voltando muito mais vezes que eu e a carteira do meu pai gostaríamos.

A minha monografia é sobre a inclusão digital dos índios da etnia Baniwa na Escola Pamaali, que fica situada na região conhecida como cabeça de cachorro (se vocês olharem o mapa do Brasil, vão entender porque), na fronteira com a Venezuela e a Colômbia. Já fiz toda a minha pesquisa teórica e agora vou fazer a parte de campo, pretendo embarcar ainda essa semana para São Gabriel da Cachoeira.

A Escola Pamaali fica no meio da floresta amazônica. Para chegar la eu vou precisar pegar um vôo para Manaus, depois um dos quatro vôos semanais oferecidos por uma única companhia de aviação até São Gabriel da Cachoeira. De São Gabriel são mais dois ou três dias de viagem em um barquinho chamado voadeira (depois conto uma historia sobre esse “barco” para vocês) até chegar à escola (só espero que o meu computador e outros equipamentos eletrônicos sobrevivam à essa parte da viagem).

A conexão internet chega até la por satélite, proporcionada pelo programa Governo Eletrônico – Serviço de Atendimento ao Cidadão (Gesac) do Ministério das Telecomunicações. Os professores e alunos indígenas utilizam a internet para desenvolver projetos de desenvolvimento sustentável das comunidades. Estou aqui me preparando para ir la descobrir como tudo isso funciona.

Enquanto isso vocês podem olhar o blog da escola http://pamaali.wordpress.com/ e do Gesac http://www.gesac.gov.br/

Anúncios

Sobre isisvalle

New media journalist, digital inclusion researcher and nutritionist to be.
Esse post foi publicado em Português e marcado , , . Guardar link permanente.

9 respostas para Algumas explicações

  1. Obrigado por essas explicações, mas em França poucas pessoas falam Português. Quando será que as histórias da viagem em Inglês e Francês mesmo?

    Thank you for these explanations, but in France few people speak Portuguese. When will your travel stories in English and even French?

    Merci pour ces explications, mais en France peu de gens parlent le Portugais… à quand tes récits de voyage en Anglais et même Français ? 😉

    Take care !!!
    GA

    • isisvalle disse:

      hahaha J’adore quand tu parles, ou plutôt lis et écris, Portugais!
      Tu as pu comprendre les explications? Tu as raison, je dois écris quelques posts en Français ou Anglais, mais j’ai trop la flaime et pas trop le temps de tous les traduire. Mais c’est pas grave, vu que tu parles Portugais maintenant!
      Gros bisous à toi.

  2. Alejandra Aguilar disse:

    Parabens pelo seu site, blog, gostei muito fiquei ao tanto do que tem feito. São muito chatos na França, sua burocracia.Mas bom o importante Vc. está saindo adiante.Assim logo vai para Amazonia???Achava que estava por lá ou na França…Bom tomara nos vejamos antes de ir Vc nessas distâncias…!!!Se precisar alguma informação, dado..o tempo que estiver na Amazonia ou aqui mesmo Vc. sabe Isis que conta comigo!!!
    Ale.

    • isisvalle disse:

      Oi Ale!
      Voltei sa França na semana passada e pretendo ir para Snao Gabriel da Cachoeira ainda esta semana. Estou fazendo os preparativos este final de semana, espero conseguir almoçar om você antes de ir, vou precisar das suas dicas!
      Obrigada por tudo, querida!

  3. Edu Élleres disse:

    Todos os dedos cruzados, vá e volte sã e salva, anjo!

  4. Thais Lima disse:

    Adorei!
    Achei bem interessante e desejo-lhe sucesso na monografia. Tenho certeza que vai ter muita gente interessada em assistir sua banca.
    Sucesso prima.

  5. Thadeu Martins disse:

    So posso te falar uma coisa moça bonita,arrebenta ai,pois sei que vc vai se dar bem nessa pesquisa de campo e vai os franceses boquiabertos com sua defesa de banca.

    P.S – eu ja fui pescar em São Gabriel da cachoeira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s